Marketing Pessoal para Escritores: 6 dicas essenciais para ganhar espaço no mercado do livro

O Marketing Pessoal para Escritores é a ferramenta mais poderosa que você, como autor ou autora, pode dominar para conquistar o seu espaço no mercado do livro.

Desde que comecei a divulgar livros, lá em 2008, entendi que os escritores que mais se destacam são aqueles com uma identidade bem definida e que investem na própria marca.

Desenvolver o Marketing Pessoal faz toda a diferença para melhorar o relacionamento com o seu público.

Isso porque é a partir dele que você pode oferecer conteúdos que vão muito além do livro: sua personalidade, suas opiniões, crenças e a sua história como fonte de inspiração.

E não se engane achando que o Marketing Pessoal para Escritores é uma tendência passageira. Autores clássicos como Machado de Assis investiam pesado na divulgação da própria imagem.

Machado escrevia artigos para jornais, participava de debates e chegou até mesmo a ocupar cargos públicos.

Neste artigo, você entenderá de uma vez por todas o que é Marketing Pessoal para Escritores e encontrará dicas práticas para fortalecer a sua marca no dia a dia. Boa leitura!

Originalidade é a essência do Marketing Pessoal para Escritores

A cada ano, uma média de 15 mil novos títulos são lançados no mercado brasileiro. Este volume de publicações cria uma concorrência enorme e é neste cenário que você precisa usar o Marketing Pessoal como grande diferencial.

Ter inspirações e referências é ótimo para acompanhar o mercado ou até mesmo definir metas de carreira, mas o Marketing Pessoal para Escritores exige originalidade.

Ser original é aproveitar os traços da sua personalidade e da sua marca que são unicamente seus e não estão disponíveis em nenhum outro lugar.

Para conquistar o seu espaço no mercado do livro, você deve trabalhar na sua diferenciação, naquilo que você vai trazer de diferente ao leitor.

Reflita: qual é a sua mensagem especial? O que só você pode comunicar aos seus leitores?

Você encontrará as respostas para estas perguntas fazendo uma jornada profunda de autoconhecimento.

Use a sua vulnerabilidade para se aproximar dos leitores

As redes sociais permitem expor a sua imagem e sua marca para um número massivo de pessoas.

Esta visibilidade, porém, costuma vir acompanhada da cobrança irreal de que tudo que você publicar precisa ser perfeito: a melhor foto, o melhor vídeo, a melhor legenda.

Obviamente, você deve sempre prezar pela qualidade do conteúdo que produz, mas vamos combinar que o perfeito não existe, certo?

As pessoas não são perfeitas e demonstrar a sua vulnerabilidade aproxima os leitores da sua humanidade, de quem você é como um indivíduo real com falhas e qualidades.

Muitos escritores não gostam de fazer publicações mostrando as suas casas ou momentos da rotina, mas é justamente este tipo de conteúdo que fortalece as conexões com os seguidores.

Lembre-se: mostrar suas imperfeições gera empatia.

Comece fazendo o que você se sente confortável

O Marketing Pessoal para Escritores é a ferramenta ideal para mostrar para o mundo quem você é de verdade, por isso ele deve ser prazeroso.

Minha orientação é que você comece a fazer o seu Marketing Pessoal pelas ferramentas com as quais você se sente mais confortável neste momento.

Se você, por exemplo, não gosta de se expor, não adianta começar a gravar vídeos que não vão te deixar à vontade. Neste caso, você pode investir em publicações com textos e imagens.

Mas atenção: fazer Marketing Pessoal para Escritores também exige doses de coragem e iniciativa.

Então, comece de maneira confortável e vá se desafiando a tentar coisas novas como adotar novos formatos de conteúdo.

Desenvolva o seu networking no mercado do livro

Sem networking fica praticamente impossível fazer Marketing Pessoal para Escritores, mas não se assuste, você não precisa ter todos os contatos do mercado do livro para começar!

O que você precisa é de iniciativa e atitude para encontrar pessoas que sirvam como inspiração e possam contribuir com o seu crescimento profissional.

Fazer networking não é ser uma pessoa invasiva e nem sair pedindo favores para todo mundo, ok? Você precisa construir uma rede de relacionamentos pautada na reciprocidade, em que todos têm algo a ganhar.

Você participa da associação de escritores da sua cidade ou do seu estado? Costuma comentar ou compartilhar conteúdos de outros escritores? Já pensou em propor uma parceria a um autor que você admira?

Estas são apenas algumas das formas de fortalecer o seu networking no mercado literário.

Faça o bem com o Marketing Pessoal para Escritores

O Marketing Pessoal para Escritores está diretamente relacionado com o seu propósito, a sua mensagem, a sua missão, que é muito mais forte do que só querer vender livros.

Fazer marketing não é mentir ou enganar, mas sim dar visibilidade para tudo de bom que você tem para oferecer como pessoa e como autor de obras especiais.

Quando você não faz o seu Marketing Pessoal, está sabotando a sua imagem e impedindo que os outros conheçam e se apaixonem pela sua essência.

Dicas práticas de Marketing Pessoal para Escritores

1. Busque confiança praticando

Assim como tudo na vida, fazer Marketing Pessoal para Escritores também exige prática.

Você não pode abandonar as estratégias que adotou sem antes aplicá-las por um período e fazer uma análise minuciosa dos resultados.

Com o tempo, você sentirá mais segurança para se colocar como uma referência na sua área de atuação.

2. Tenha iniciativa

Não deixe o seu Marketing Pessoal para amanhã, comece hoje!

Tenha coragem de mandar aquele e-mail para a editora que você está “namorando”, encaminhe o seu livro para influenciadores da sua área, troque figurinhas com outros escritores…

Nunca deixe de dar o próximo passo, ok?

3. Busque valor para a sua marca

Do que você quer que as pessoas lembrem quando pensarem no seu nome? Como elas devem falar do seu trabalho quando não estiverem no mesmo ambiente que você?

Trabalhe para criar uma imagem positiva da sua marca porque quando os leitores perceberem o seu valor, eles estarão conectados com você para sempre.

4. Foque nos seus objetivos

Tenha sempre em mente as metas e os objetivos que você deseja alcançar para que nada te desvie do seu caminho.

Você talvez enfrente o desafio de conciliar a sua rotina de trabalho normal com a vida como autor ou autora, mas não se desanime, pois é possível fazer o seu Marketing Pessoal mesmo neste esquema de “vida dupla”.

Quando você entender que o Marketing Pessoal para Escritores é um meio para alcançar sonhos, sempre terá um tempinho para trabalhar a sua própria marca.

5. Torne-se admirável

Como você está comunicando os seus valores e as suas crenças? De que maneira você pode ajudar as pessoas? Como você pode contribuir para melhorar a sociedade em que vivemos?

Ser um Escritor Admirável significa pautar debates sociais, incentivar mudanças culturais, emocionar, encantar e proporcionar entretenimento com histórias engajadoras que ultrapassam as barreiras do tempo.

É a partir de contribuições como estas que você se tornará alguém digno de admiração e servirá de inspiração para outras pessoas.

6. Concentre-se no melhor

Busque sempre entregar o seu melhor, mesmo que você ache que não é suficiente. Amanhã será um novo dia e novas oportunidades surgirão para você aprimorar o seu trabalho.

É muito fácil ser sugado pela negatividade de críticas ou comentários grosseiros. Filtre as contribuições positivas e deixe de fora tudo o que faz mal.

Acesse os bastidores do mercado do livro

Neste artigo você entendeu o que é Marketing Pessoal para Escritores e recebeu dicas essenciais para desenvolver a sua própria marca, mas é possível ir além!

Entre para a lista de espera do curso Escritores Admiráveis e garanta o seu acesso aos bastidores do mercado do livro por meio de aulas práticas e transformadoras.

Para isso, basta clicar aqui.

Posts relacionados

2 Responses
  1. Tereza Cristina Santos

    A cada texto seu eu fico encantada literalmente com sua forma de comunicar, uma forma competente de impulsionar a carreira do escritor iniciante. Suas dicas são muito valiosas e elas chegaram em minha vida num momento de muita sede de me organizar para o meu próximo trabalho. Sair da timidez do primeiro e voar com o segundo…terceiro e quantos virão !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

  2. Ana Cristina Aver Tausendfreund

    Me ajudou muuuito!!!Parece que você lê meus pensamentos!!!quando li seu artigo,pensei “Vou me conectar às redes quando publicar” aí apareceu “não deixe para amanhã”!!!Estou com meus 4 primeiros projetos incompletos…O que vc acha de um livro de games para um público alvo da minha idade?(11 anos)Só que nn tenho WhatsApp,aí o Instagram é perfeito!

Leave a Reply